Regata OS

Regata OS 18.1 agora conta com o Mesa 17.2, que chega trazendo melhorias para vários jogos


O Mesa 17.2 foi lançado recentemente e já está disponível no Regata OS 18.1. Está é uma atualização muito importante da biblioteca de gráficos 3D especialmente para os jogadores Linux que possuem placa de vídeo da AMD, já que chega trazendo melhorias para vários jogos, incluindo Stellaris, Rocket League, Dying Light, Europa Universalis IV, The Witcher 2: Assassins of Kings, DOOM 2016 (Wine), Total War: Warhammer e Serious Sam Fusion.

Entre as extensões GL implementadas no Mesa 17.2, está a ARB_bindless_texture como uma das principais funcionalidades para o RadeonSI (driver que lida com placas AMD), mas que também é usada por jogos mais recentes, como é o caso de Warhammer 40.000: Dawn of War III.

Além disso, Mesa 17.2 também é quase totalmente compatível com o SteamVR em GPUs AMD suportadas. A principal coisa que falta para uma boa experiência durante as jogatinas é o suporte de objetos de memória externa, porém, o recurso deve estar presente nas futuras versões do Mesa.

Outra boa notícia é que mais jogos e ferramentas de benchmarks agora possuem suporte para o multithreading do OpenGL, algo que deve melhorar o desempenho. Entre os games já incluídos na lista branca, está Alien Isolation, Borderlands 2, BioShock Infinite, Civilization 6 e muito mais. Você pode ver a lista completa clicando aqui. O ganho de desempenho, obviamente, deve variar dependendo do hardware, mas agora o recurso deve ser habilitado por padrão em determinados softwares.

Quem também recebeu atualização no Regata OS foi o FFmpeg, que chega a sua versão 3.3.3, trazendo correções e melhorias. Mas isso não é tudo, o framework multimídia agora faz uso do NVIDIA Video Codec SDK 8.0, que conta com suporte de decodificação 10/12-bit com HEVC/VP9, ​​permitindo a transcodificação HDR de ponta a ponta, bem como suporte para entradas OpenGL.

Linux Kernel 4.13 chega em breve

Agora que o Mesa 17.2 já está disponível no Regata OS, o próximo passo é atualizar o kernel Linux para a recém-lançada versão 4.13, que traz suporte inicial para CPUs com arquitetura Cannon Lake e Coffee Lake, para as futuras APUs AMD Raven Ridge e um melhor gerenciamento de energia, entre outros destaques.

Não se esqueça! Para manter seu Regata OS sempre atualizado, basta buscar por atualizações através da ferramenta "Atualização de aplicativos", que pode ser acessada através de seu ícone na bandeja do sistema.

COMENTÁRIOS